Mesa do bolo: com ou sem toalha? 15 Ideias pra você se inspirar!

Nessa nova necessidade moda do Faça Você Mesmo, cada dia mais gente arregaça as mangas e faz a decoração da sua própria festa de casamento, aniversário ou chá (eu fui uma delas).

E com tantas ideias novas e boas que a gente vê internet à fora, as dúvidas do que usar e de como decorar, vem junto. Flores, velas, luzes, vasos, papel. São tantas opções que qualquer um se perde na hora de escolher. E por isso trouxe algumas inspirações pra vocês, em uma das principais dúvidas na hora de preparar a sua mesa do bolo: usar ou não toalha?

Fonte: Pinterest

  • A regra básica para fazer uma decoração sem toalha é: se sua mesa é bonita, pra que escondê-la? Solte a criatividade, e invista na decoração de cima dela. Vale até colocar arranjos e enfeites no chão, embaixo da mesa.
  • Agora, se as toalhas que você tem em mente são de fazer brilhar os olhos, ou sua mesa não é tão digna assim de ficar com as pernas de fora, toalha nela!

Continuar lendo

Anúncios

Compras para casa – Roupa de cama

Oi prendadas!

Acabei de chegar do shopping e vim correndo aqui contar pra vocês da minha comprinha do dia. Não é roupa, sapato, bolsa e nem maquiagem. Como vocês sabem, me caso em Julho deste ano, e quase tudo o que gasto agora é relacionado ao casamento e à minha futura casinha. Eu e minha mãe estamos montando meu enxoval, e o achado de hoje mereceu até post por aqui!

 

Kit Cama Casal 6 peças Riachuelo (Edredon + Colcha + 2 fronhas + 2 capas de travesseiro)

Continuar lendo

Cardápio 10! – Batata ao forno diferente

Quem é que não gosta de comer bem? E bem e gastando pouco, então?

Eu particularmente, amo inventar na cozinha! Acontece que, quando você tem que preparar um almoço pra 6 pessoas, e a despensa encontra-se vazia, você tem que ir muito além da criatividade! E no meu caso, eu só tinha R$10,00 no bolso! Isso mesmo! Dez Reais pra fazer um almoço de domingo para 6 pessoas!!! Parece impossível, não? E não é que eu consegui!? Fui no mercado, “cacei” uns ingredientes e… voilà! E o sabor, (juro!) não ficou de uma gororoba inventada não! Todo mundo comeu e pediu mais!

Continuar lendo